quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Tricotar é como andar de bicicleta!

Porque por muito tempo que passe, não se esquece como se faz.

Creio que havia pelo menos uns 8/9 meses que eu não pegava neste projecto que comecei no final do ano passado.

Receava já não saber alternar correctamente o ponto meia e o ponto liga... e perder o efeito do ponto bago de arroz.

Mas está visto que tricotar é algo mecânico, como o é o crochet e o andar de bicicleta... podemos ficar um tanto destreinados, mas nunca se perde o jeito.

No espaço de 4 noites, já tricotei mais do dobro de tamanho que ele tinha quando o "abandonei"... a continuar assim, para a semana tenho o cachecol pronto a usar!

Escusado será dizer que este vício voltou!....


O que anda mesmo a azucrinar-me é esta preguicite em tirar fotografias decentes com luz natural. Ando uma calona para fotografar como deve ser e isso vê-se na qualidade das imagens que aqui partilho, que não fazem jus nenhum ao projecto...

17 comentários:

  1. Adoro o ponto de arroz!

    (Falamos novamente sobre fotografia??????)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria, eu sei... zanga-te comigo, zanga!!! :)

      Eliminar
  2. Adoro esse ponto, fica super fofo quer no aspecto quer no tacto. Quanto às fotos eu também peco em relação às fotos mas infelizmente eu não tenho muita paciência para fotografar e escolher as melhores, não me entendo com a minha nikon digital (daquelas baratinhas) só me tira fotografias horrorosas, vale-me um telemóvel que tenho que só uso para fotos, essa tira fotos em movimento que é uma beleza, é com ela que consigo fotos decentes do meu filho pois com ele a mexer-se com a Nikon é para esquecer... mas também uso a do meu telemóvel e apesar das fotos não serem tão boas é a que uso mais para o blog...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu até gosto de tirar fotografias, mesmo! Mas ando preguiçosa... e a minha pentax compacta é muito boa com luz natural e para macros. Mas se a luz não for muita, ficam uma bosta...

      Eliminar
  3. Esse é o meu ponto favorito. Fica tao fofo.
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou a fazer um pouco para ganhar prática :)

      Mas estou a gostar muito do efeito fofinho!

      Eliminar
  4. É verdade!!! Também só pego no tricot de inverno e estive uns bons anos sem pegar nas agulhas mas há coisas que nunca desaprendemos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, não desaprendemos!

      Bom fim de semana

      Eliminar
  5. Adoro o ponto bago de arroz. Foi dos primeiros pontos que aprendi, fica sempre elegante. bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou a fazer mais por uma questão de treino e para ganhar prática.
      Mas fica muito simples e elegante como eu gosto!

      Beijinhos

      Eliminar
  6. Já há algum tempo que não faço tricot, lembro-me de fazer o bago de arroz nos anos 80 quando estava viciada em fazer camisolas de malha, é simples, bonito e fica direitinho!
    xxx

    ResponderEliminar
  7. Está a ficar lindo! Há muito que não faço tricot, confesso que nunca fui muito além de uns cachecóis e uma mantinha com um ponto muiiito básico! Beijinho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu ainda só me fico pelas golas e cachecóis, mas queria avançar para camisolas e gorros!

      Eliminar
  8. É mesmo isso, é como andar de biclicleta nunca mais se esquece :) Bons projectos!

    ResponderEliminar
  9. Sei fazer pouca coisa em tricot, apenas cachecóis e gorros, mas adoro o ponto de arroz. Estive anos sem pegar numas agulhas de tricot mas assim que regressei a elas, era como se nunca tivesse parado. É mesmo como dizes, é como andar de bicicleta ;)

    Bom fim-de-semana, Naná, e boas tricotagens e crochetagens ;)

    ResponderEliminar

Ponha aqui as suas mãos!